Radar Climático – 30 de Setembro

O Fridays for the Future saiu à rua na ultima sexta feira em todo o mundo, com destaque para Berlim, onde 10.000 pessoas saíram à rua. Em Lisboa, 300 pessoas a marcharam pela Avenida de Liberdade. No Porto, os sapatos marcaram o lugar de quem teve que ficar em casa. Destaque também para a greve Climática das Caldas da Rainha que exige a renovação e capacitação da linha do Oeste.

O Ende Gellande volta em força. Com bloqueio de infraestruturas fósseis na zona da Renânia, as ativistas fizeram o que sabem fazer bem e passaram pelas forças policiais para entrar nestas. Destaque para a natureza descentralizada da ação, com ativistas a multiplicarem o número de pontos bloqueados devido às condições sanitárias. Além de bloquear minas de carvão como de costume estes também bloquearam infraestruturas de gás, e ocuparam uma estalagem de uma aldeia a ser destruída para a expansão de uma mina de carvão. O conjunto da ação totaliza cerca de 3.000 pessoas.

Mais uma semana, mais uma vez que Costa insiste que o Aeroporto do Montijo deve ir para a frente.

Entretanto, novo estudo afirma que o CO2 emitido pela aviação é 2% do total, no entanto o total das emissões com gases efeito estufa é quase o dobro.

A China apresenta um plano que anuncia a neutralidade carbónica em 2060. Spoiler altert: O plano oferece poucos detalhes, assim garantindo que a China não será neutra em Carbono em 2060.

ONU e governo do Reino Unido vão organizar uma cimeira climática em 12 de Dezembro. Na ausência da COP, há espaço para celebrar os 5 anos do débil Acordo de Paris.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Instagram
Vimeo
RSS
Flickr