Tudo sobre o Programa do Acampamento de Activismo Climático

16 a 20 de Julho, Cabrela, Montemor-o-Novo.

Este verão, o movimento pela justiça climática vai juntar-se durante 5 dias para formar novas activistas e organizar a luta por um planeta justo e habitável.

A ideia é simples: A nossa casa está a arder. Alguém tem de fazer alguma coisa sobre isto.

Tu és alguém. Do que estás à espera?

Tudo sobre o Acampamento de Activismo Climático em: https://www.climaximo.pt/acampamento2021/


Queres saber o que realmente vai acontecer durante o Acampamento de Activismo Climático?

Aqui podes conhecer melhor todas as sessões do programa e descobrir que momentos de convívio estamos a preparar para ti!

Ciência Climática

Vamos aprender noções básicas de ciência climática que serão úteis ao longo de todo o Acampamento. Desde as causas do aquecimento global até às maiores fontes de CO2 no país e no mundo, passando pelo o que diz o IPCC e o Acordo de Paris, nesta sessão vamos clarificar o inequívoco: estamos em crise climática.

Capitalismo vs Clima

A ciência é clara: é a atividade humana que cria e exponencia a crise climática. Como é que isto aconteceu? Que sistema nos levou a isto? E porque é que o capitalismo é incompatível as verdadeiras soluções? Nesta sessão vamos explorar não só como é que o capitalismo nos levou ao abismo, mas também porque é que as falsas soluções que oferece são incompatíveis com a justiça climática.

Novo Clima, Nova Sociedade

Perante a crise climática, nada será como antes. À medida que o planeta aquece, a degradação social torna-se cada vez mais propícia. Em que sociedade viveremos se conseguirmos vencer e manter a temperatura média abaixo dos 2ºC até 2100? E se falharmos, quais os cenários sociais e ecológicos que se avizinham num planeta a ferver?

Transição justa

Para evitar o colapso, precisamos de um plano. Travar a crise climática é mais que um processo técnico, é principalmente um processo social e político. A justiça climática admite como fundamental justiça na transição de uma sociedade baseada nos combustíveis fósseis para uma sociedade descarbonizada. Nesta sessão, analisamos os conceitos de Justiça Climática e Transição Justa, e olhamos para o caso de Portugal para perguntar: o que é e o que não é uma transição justa?

Clima, Economia, Finança

Nesta sessão vamos explorar a relevância das instituições financeiras para a crise climática, desde os bancos privados aos bancos centrais. Vamos compreender o peso da finança nos projetos fósseis, na oposição à transição energética, na criação de falsas soluções e no domínio económico que alimenta a crise climática.

Conceitos Básicos de Activismo

O que é activismo? Porque é que fazemos acções em vez de reunir com os partidos políticos e convencê-los, fazer palestras, organizar petições e publicar memes nas redes sociais? Que tipo de acções existem e como as desenhamos? Como nos organizamos para fazer activismo?

Comunicação activista

Para construir um movimento, precisamos de dar visibilidade ao nosso activismo. A maior parte de activismo é comunicação. Isto faz-se por conteúdos criados por nós (website, redes sociais, etc.) e por conteúdos criados por outros (na comunicação social). Como montar uma estratégia de comunicação coerente e eficaz? Como montar uma equipa média para executar essa estratégia?

Activismo Climático no Mundo e em Portugal

Lutas, causas, campanhas e tácticas do movimento pela justiça climática pelo mundo inteiro. Que assuntos existem? Quem trabalha neles?
E em Portugal, que lutas-chave existem e que campanhas abordam estes temas? Quais são os princípios, as estratégias e as actividades delas?

Conceitos Avançados de Activismo

Não basta organizar acções para provocar uma mudança social. As nossas acções devem seguir e alimentar uma estratégia, baseada na nossa teoria de mudança e no contexto social e político no qual agimos. Finalmente, devemos ter um plano claro e pré-estabelecido de como vamos envolver mais pessoas no movimento e como vamos aprender colectivamente.

O tempo de agir é agora

Sem acção, não há activismo. Sem acção, não há aprendizagem.
Nestas sessões prácticas, vamos primeiro aprender como conceber, desenhar e montar uma acção. Como pensar sobre a acção? Que elementos considerar? Como criar uma mensagem clara e simples, e como transmiti-la?
Depois, vamos montar uma acção contra gás fóssil (no âmbito duma semana europeia de acções) que as participantes vão realizar no fim do Acampamento.

Clima e Ambiente

O movimento pela justiça climática foi lançado em 2007, na COP-13 em Bali, duma forma deliberada, pelas organizações do Sul Global, contra o discurso tecnocrata e a abordagem apolítica da crise climática. Nesta sessão vamos explorar as raízes do movimento e ligações com ambientalismo tal como a mudança que ocorre aquando a dimensão das injustiças estruturais do colonialismo, neo-colonialismo e capitalismo é acrescentanda, tal como a necessidade de mudança sistémica em vez do foco no enquadramento individualista.

Clima e Feminismo

A crise climática vai ser o maior desafio que já enfrentámos, não só porque ameaça a existência da vida como a conhecemos, como porque temos de encontrar a coragem dentro do susto para mudar tudo em tão pouco tempo: temos de imaginar e planear no presente um futuro em que cuidemos da vida e não do lucro.
Nesta sessão vamos falar sobre como é que uma abordagem feminista nos pode guiar na luta contra um sistema que ameaça a nossa vida, os nossos corpos e o nosso planeta, explorando convergências entre o movimento feminista e o movimento por justiça climática e procurando nelas respostas sobre como construir um futuro em que o cuidado para com a vida esteja no centro das nossas sociedades.

Clima e Colonialismo

Numa sessão conjunta com SOS Racismo vamos explorar as ligações entre colonialismo e a luta pela justiça climática. Exploramos o processo histórico do colonialismo e a sua ligação com capitalismo e extrativismo, a nossa dívida e responsabilidade e o neo-colonialismo actual, em grande parte associado à indústria fóssil.
Vamos reflectir igualmente sobre as mudanças estruturais necessárias na sociedade, e no próprio movimento, para reparar séculos de racismo estrutural, colonialismo e imperialismo e alcançar justiça racial.

MOMENTOS DE CONVÍVIO

Para recarregarmos energias precisamos de nos mover, conviver e divertir. Aqui ficam alguns dos momentos que estamos a organizar:

  • Manhãs de yoga e alongamentos: Traz o teu tapete de yoga (ou o que te deixar mais confortável) e junta-te a nós
  • Energizers e jogos: Vem activar o teu corpo e conhecer as outras participantes
  • Jam Sessions: Traz o teu instrumento favorito ou improvisa um, e vem criar bons sons
  • Noite de Cinema
  • Clube de leitura: Traz o teu livro favorito, ou aquele que estás a ler ou escrever e vem partilhar um pouco dele

 

HORÁRIO COMPLETO

Mais informações em: https://www.climaximo.pt/acampamento2021/

Nós somos aquelas de quem estávamos à espera.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Facebook
Twitter
Instagram
RSS
Vimeo
Flickr
Climáximo